Produzindo com a "Mão na Massa"

Nas Oficinas e Curso de Produção musical, os alunos tem a oportunidade de colocar em prática todos os conceitos técnicos e teóricos abordados em aula, vivenciando todas etapas de produção que um trabalho fonográfico percorre até chegar ao mercado. 

IMG_1571_edited.jpg

Atualmente produzir um trabalho musical envolve questões que vão muito além do domínio das ferramentas tecnológicas. Neste cenário os produtores e músicos passam a ter uma atuação multifuncional que exige habilidades em gestão e uma ampla visão do cenário cultural. Por isso, acreditamos que através da experiência prática, norteada por sólidos parâmetros teóricos e conceituais, nossos alunos podem vivenciar efetivamente a realidade atual do mercado de produção musical.  

Confira os alguns dos trabalhos realizados em nosso curso de produção musical: 

Paciência - Diante desse momento tão conturbado que que a pandemia nos impõe, a música de Lenine traz uma importante mensagem sobre resiliência e amor ao próximo. “Paciência”, já consagrada no repertório da MPB, é aqui interpretada por Arthur Vital, professores, alunos e familiares da Escola Municipal de Ribeirão Pires. Foi uma produção bastante complexa, com processo de captação remota e engajamento de muitos pessoas na execução.

Samba da Ausência - Interpretado pelo Combo de Música Popular da EMMRP e solo vocal de Arthur Vital, esse single reflete sobre as grandes dificuldades para fazermos arte, nesses dias complicados em que mantermos a distância e o isolamento social se impõem como condição fundamental à preservação da vida, assim dialogando com as dissonâncias e aflições sociais que a pandemia nos trouxe. Este trabalho faz parte da parceria entre o Trilhar e Escola Municipal de Música de Ribeirão Pires para oferecimento dos Combos Virtuais, atividade realizada em formato hibrido (on line e semipresencial) para manutenção das atividades da turma do curso Produção Musical e aulas de prática de música popular da EMM durante o período da pandemia.

Sem Você - Single interpretado pela Big Band da Escola Municipal de Música de Ribeirão Pires, com solo vocal de Mariana Duarte.

 

Como parte das atividades do curso de Produção Musical do Trilhar, no início de dezembro de 2019 a Big Band da EMMRP e músicos convidados participaram da gravação do single “Sem Você”, composto e arranjado pelo professor Marcos Lozano exclusivamente para essa ocasião. Foi uma produção bastante complexa, pois integraram o grupo 15 instrumentistas e cantora solista, todos gravados em um único dia. 

O propósito deste trabalho foi possibilitar aos alunos da EMMRP e do Trilhar a vivência prática de uma grande produção, englobando os processos de composição, arranjo, ensaio, gravação, edição e mixagem, bem como uma estrutura organizacional para a consecução do trabalho como um todo. Todo o processo de edição e mixagem foi realizado pelos alunos do Curso de Produção Musical durante o primeiro semestre de 2020, com orientação dos professores Marcos Lozano e David Filho através de aulas on line (o Trilhar manteve suas atividades via internet por conta das medidas de distanciamento social necessárias ao enfrentamento da pandemia de Covid-19)

“Além Mar”, ou Samba da Quarentena (apelido que demos por aqui), tem como inspiração um mix de “sentimentos de pertencimento e exílio” que o compositor Alex Duarte relata ter sentido em vigem a Portugal. Nos dias atuais, de alguma forma, essa lembrança lhe retorna porém em outro nível: no abandono do dia a dia, dos afazeres e das relações sociais, sendo possível somente formas de interação distanciada via internet. A gravação foi feita remotamente como parte das atividades do curso de Produção Musical do Trilhar, que neste período da quarentena esteve ativo com aulas e workshops on line.

“Além Mar”, ou Samba da Quarentena (apelido que demos por aqui), tem como inspiração um mix de “sentimentos de pertencimento e exílio” que o compositor Alex Duarte relata ter sentido em vigem a Portugal. Nos dias atuais, de alguma forma, essa lembrança lhe retorna porém em outro nível: no abandono do dia a dia, dos afazeres e das relações sociais, sendo possível somente formas de interação distanciada via internet. A gravação foi feita remotamente como parte das atividades do curso de Produção Musical do Trilhar, que neste período da quarentena esteve ativo com aulas e workshops on line.

Janelas e Trilhos,  composição de Rosenaye Melo traz uma reflexão sobre a vida tendo como pano de fundo um percurso de trem que diariamente milhares de pessoas percorrem nas idas e vindas da vida. "Contando um pouco a história de onde viemos, aonde estamos e os caminhos que descobrimos para um novo mundo possível" Naye nos convida ao olhar sensível destes tempos que vivemos.

"Hoje", composição da Banda PiXAiM forró em parceria com o compositor Jony Santana, é uma homenagem a todas as mulheres brasileiras, a música foi gravada em setembro de 2019 no estúdio VERSAX em Ribeirão Pires - SP e está disponível em todas as plataformas digitais e shows da banda.

O Coração, composição interpretada pelo combo de música popular da Escola Municipal de Música de Ribeirão Pires, com solo de Fernanda Lurosi, foi concebida com base em questões de ordem pedagógica abordadas nas aulas de música popular da EMMRP. Traz passagens harmônicas e melódica complexas com especial atenção a elementos textuais diante das possibilidades vocais.    

Fragile Boat é um single lançado pela banda Firepit no ano de 2019. A primeira gravação da banda na formação de quarteto, e conta com diversas influências musicais dentro do universo do rock e também do universo da música brasileira, com o uso das percussões e ritmos que fogem do padrão de composição do rock